Programa de Porto Feliz visita famílias rurais e aproxima pais do cotidiano escolar

Atualmente, a falta de tempo é um dos fatores que afasta as famílias da escola. Já para os moradores da zona rural, o maior empecilho para que isso aconteça é a distância, pois no trajeto escolar os estudantes utilizam transporte público ou ônibus fretado, o que dificulta ainda mais a possibilidade de contato entre os pais e a instituição de ensino. Em Porto Feliz, entretanto, isso não é mais desculpa. Há pouco mais de um ano presente no município, o Programa Rede Família Escola é uma verdadeira revolução para o cenário educacional da cidade, visitando a casa dos estudantes e orientando pais e responsáveis sobre a importância da sua participação na vida escolar dos alunos.

Mesmo para aqueles que moram longe do centro da cidade, a iniciativa da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes tem proporcionado uma ampliação das oportunidades educacionais e já coleciona casos de sucesso e transformações sociais. “Quando ouvi falar deste programa, não imaginei que seria tão interessante! É bom poder conversar sobre meu neto e as nossas dificuldades. Além disso, é bom saber que podemos contar com os agentes educacionais que vem de longe para atender a zona rural. Isso é muito mais que uma visita, é um laço que se cria”, conta Neide Leite da Cruz Godoy, avó do Aluno Leonildo Bruce Valeriano Godoy da EMEF “Profª Maria Aparecida Fernandes Leite”.

Além de levar as informações da escola até estas famílias, que na sua maioria não conseguem estar presentes no cotidiano escolar, a visita auxilia no envolvimento dos familiares na educação dos filhos, possibilitando que os responsáveis conheçam um pouco mais da proposta pedagógica da escola, bem como, o desenvolvimento da aprendizagem. Até o momento, 315 famílias da área rural receberam a visita.

Os agentes educacionais são recebidos com grande expectativa e alegria pelas famílias. As informações compartilhadas têm sido muito importantes para a interação e participação dos pais, que relembram seus tempos de escola e se emocionam. “Acredito que a escola e os pais devem andar juntos para que a educação dos nossos filhos possa dar certo. Lembro-me que, antigamente, os pais é que organizavam as festas na escola. A minha mãe sempre na cozinha fazendo os comes e bebes. A participação dos pais no convívio escolar é muito importante. Os próprios familiares, com a sua presença, protegem a integridade da escola e de seus filhos. A escola precisa dos pais e os pais da escola, e este programa vem para firmar esta troca”, compartilha Jeferson Castilho Garcia, pai da aluna Camila Rosa Castilho Garcia, da EMEF “Profª Maria Aparecida Fernandes Leite”.

Durante a visita, a conversa com a família acontece de maneira informal. Os agentes educacionais orientam a família sobre questões como: a rotina de estudos do aluno, quem o ajuda nas tarefas de casa, hábitos e preferências, alertando os pais para a importância de verificarem as tarefas e conversarem com seus filhos sobre a escola. “Aproximar a família da escola é um grande desafio que tem sido alcançado com êxito em Porto Feliz com o auxílio desse programa. É uma oportunidade de conhecer melhor os nossos alunos e permitir que os familiares nos auxiliem nesse processo educacional”, conclui o secretário de Educação, Cultura e Esportes, Júlio César Bronze.

O Programa Rede Família Escola é realizado em parceria com a Planeta Educação, especializada na implantação de soluções educacionais inovadoras.

  • Vídeos

    Invista em Porto Feliz

    Rádio Porto

    Alternativo