2ª Via do Carnê do IPTU Online

Evento firma pacto pela alfabetização na idade certa entre Prefeitura e Ministério da Educação

Acontece neste sábado, 27, no Espaço Cultural “Olair Coan”, solenidade para firma o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC). O PNAIC é uma parceria entre a Prefeitura de Porto Feliz e o Ministério da Educação.

O objetivo do programa é alfabetizar as crianças até os oito anos, ou seja, até o final do 3ª ano do Ensino Fundamental. Ele é composto por quatro eixos: formação continuada dos professores, avaliação dos alunos, materiais pedagógicos para alunos e professores e gestão de ações.

Em Porto Feliz será realizado um curso de formação do PNAIC, em parceria com o MEC e a UNESP, para os profissionais da rede. A rede municipal de ensino conta com 75 professores alfabetizadores, que participarão do curso, que será ministrado pelas professoras multiplicadoras Rosana Aparecida Martelini, Maria Aparecida Silvestre Sampaio e Sônia Jaqueline da Silva Oliveira, que participaram do curso de formação na UNESP – Itapeva, entre os dias 15 e 19 de abril. O programa é coordenado pela Profª Claudia Cristina Stetner Ferrari, no município de Porto Feliz.

O curso de formação para os Professores Alfabetizadores será de 240 horas, com 2 anos de duração e 120 horas/ano. O curso será presencial, com ênfase em linguagem, em 2013, e, em matemática, em 2014. O curso será ofertado em turmas distintas para professores alfabetizadores dos 1°, 2° e 3° anos, como também para os docentes de turmas multisseriadas.

 

Metas do pacto:

I- garantir que todos os estudantes dos sistemas públicos de ensino estejam alfabetizados, em língua portuguesa e em matemática, ate o final do 3º ano do ensino fundamental;

II- reduzir a distorção idade-série na educação básica;

III- melhorar o índice de desenvolvimento da educação básica (IDEB);

IV- contribuir para o aperfeiçoamento da formação dos professores alfabetizadores;

V- contribuir propostas para a definição dos direitos de aprendizagem e desenvolvimento das crianças nos três primeiros anos do ensino fundamental.

  • Rádio Porto

    Alternativo